Olá empreendedor, hoje vamos falar sobre a importância de você criar um site para a sua empresa e também vamos dar dicas valiosas desde a criação até a sua otimização.

Mas antes de começar vamos te contar uma história para exemplificar a importância de ser visto pelo seus futuros clientes.

Carlos investiu grande parte de um dinheiro que tinha guardado em uma loja física de revenda de suplemento alimentar. Mas Carlos é novo nesse mercado e por isso decidiu não investir tanto em publicidade e marketing.

Os meses vão passando e as vendas da loja de Carlos não decolaram. Qual seria o problema? Carlos logo iria descobrir que sua loja não era conhecida e por isso não tinha um fluxo de vendas mensal adequado.

Apenas as pessoas que passavam em frente a sua loja eventualmente se tornavam clientes, limitando suas vendas ao local. Se chovia ou havia algum feriado, as vendas era raras.

Um amigo de Carlos atentou para o problema e resolveu ajudá-lo montando um site e perfis de rede social. Com a divulgação que fez, tanto em tráfego pago quanto em tráfego orgânico, o negócio começou a receber novos clientes, passando a não depender apenas dos transeuntes.

O site é a representação do seu negócio na Internet. O seu site precisa informar minimamente tudo sobre os produtos ou serviços que você vende, fortalecendo a presença da sua marca na Internet.

Motivos para você criar um site para a sua empresa

Exposição tem a ver com ser notado. O site neste caso será como uma eterna vitrine para os seus produtos e serviços. Quando alguém pesquisar algo relacionado ao que você oferece, ele verá o que interessa dessa forma.

Possibilita que te vejam em qualquer lugar do mundo, porque está tudo conectado. Além disso, os possíveis clientes podem tirar dúvidas com você sobre determinado assunto em tempo real ou por e-mail, dependendo das funcionalidades do seu site.

Novos clientes

Sim, como dito um pouco acima, o site com certeza vai levar novos clientes até você, pois seu site estára no ar 24 horas por dia, ofertando seus produtos e serviços.

O seu site poderá manter contato com pessoas que estão no mesmo bairro que o seu e também com aquelas que estão no outro lado do planeta.

Confiança

Como dito no caso na história do Carlos, ele ficou com o negócio “ruim das pernas” por um bom tempo porque, além de não ser reconhecido, também não passava credibilidade, era uma empresa que não tinha presença online.

As empresas que têm site passam uma imagem mais profissional para os seus consumidores, como uma relação mais transparente.

Contato

É através do seu site e da sua rede social (integrada ao site) que você manterá contato com seus clientes e possíveis consumidores. Vai tirar toda e qualquer dúvida que porventura tenham e, claro, fazer o seu marketing direto.

Esse público irá chegar, mas ele precisa de interação. Lembrar sempre de tratar bem seu visitante para que ele volte sempre. É fundamental que uma pessoa se sinta bem para que ela decida comprar.

Existem alguns tipos de sites que podem ser utilizados por você para o seu negócio, vai depender do seu campo de atuação.

Conheça os tipos de sites atuais

One page

É um site com apenas uma página estática. Geralmente é utilizado por empresas que não publicam conteúdo frequentemente.

São mais vantajosos para quem trabalha com um tipo de produto e tem como público os jovens adultos, porque é de fácil acesso mesmo em celulares.

Site institucional

A primeira impressão é a que fica, né? Pois é, o site institucional funciona exatamente assim, ele é como um cartão de visitas para uma empresa. Seu objetivo principal é divulgar todas as informações da empresa, seus produtos e serviços.

Normalmente é utilizado para empresas que querem focar apenas em conteúdo institucional.

Site dinâmico

É o tipo de site que é atualizado a todo o momento. Tem uma maior integração com as redes sociais, o que permite visitas simultâneas facilitadas – tanto para as redes sociais da empresa quanto para o site.

É mais indicado para todo o tipo de empresa que possui recursos para manter uma produção de conteúdo ativa.

Portal

Este é utilizado normalmente para produção de notícias de jornais ou revistas. Um portal é atualizado também a todo o momento. Seu conteúdo é voltado para um determinado público que o consome.

É utilizado geralmente por veículos de informação em geral, como G1, UOL etc.

Blog

Este é extremamente importante para você que quer vender. É com essa especial ferramenta que você criará o seu tráfego orgânico, atraindo novos clientes para o site através de artigos chamativos e que “resolvam” seus problemas – no final de cada artigo você pode até indicar um produto.

Vamos criar o nosso site. Mas, por onde começar?

por onde começar?

Criar sites, apesar de parecer uma tarefa simples e fácil, não é. Muita coisa precisa ser definida antes de dar o passo inicial.

Já mostramos a importância de uma empresa ter um site como uma presença na web, agora vamos mostrar os passos necessários para criar seu próprio site.

Com a popularização das redes sociais algumas empresas têm optado por ficar apenas com perfis em redes sociais, o que é uma má escolha, já que ter um site garante credibilidade à sua empresa.

Há também a possibilidade de se iniciar com um blog, uma excelente ferramenta para ser utilizada dentro de sites, como forma de divulgar algum tipo de novidade da empresa ou até falar sobre algum assunto do nicho atuante.

O ideal é que se faça os três. Eles se completam e trabalham de forma integrada. A empresa terá presença digital incluindo sua marca na navegação do seu público, irá captar leads e novos negócios quando menos você esperar.

Portanto, o primeiro passo é definir a área de atuação, o que planeja fazer e em qual nicho irá atuar. Agora, seguindo esses passos bem simples, você verá como é fácil criar o seu próprio site sem precisar daquela linguagem toda rebuscada de programação.

Registre o seu domínio

É o seu endereço na internet, aquele que os internautas irão escrever na página para acessar o seu site. É importante que seja de fácil memorização para você garantir mais tráfego orgânico ao seu site.

As terminações variam de objetivo, geralmente as empresas corporativas utilizam mais .com, .com.br, .net etc. Mas ainda há quem utilize .fm, como rádios, .edu para instituições educacionais e .org para organizações.

Registrar um domínio pago não é uma tarefa tão difícil e é barato, o empreendedor não terá de arcar com mais de R$ 40,00 anuais. Inúmeras empresas fazem esse serviço, como exemplo temos a Registro.br, entidade oficial que gerencia domínios aqui no Brasil.

Hospede seu site

Além de comprar o domínio, é necessário também hospedar seu site para que ele funcione. Esse é o local onde seu site fica “guardado” e poderá ser acessado pelas pessoas.

Existem inúmeros serviços de hospedagem também, assim como de registro de domínio, cada um com o seu foco.

Aqui na Xdevs nós temos o serviço de hospedagem para sites com WordPress, focado em performance e segurança.

Nosso serviço de hospedagem é direcionado a empresários que querem vender mais pela internet e nosso atendimento especializado é realizado pelo WhatsApp.

Escolha o plano que melhor atende a sua necessidade e conte conosco para vender mais.

Hora de criar o site

Na hora de criar o site você pode optar em contratar uma empresa que faça tal serviço, contratar um web designer profissional ou fazer você mesmo, aprendendo a customizar ferramentas como o WordPress.

Algumas já possuem temas prontos que você pode adequar ao seu gosto, e temas que podem ser comprados também.

A chegada dos criadores de site popularizou e barateou a elaboração de sites na web, até porque não é todo mundo que sabe linguagem HTML ou PHP.

A partir da escolha da plataforma, você só precisa escolher o template a usar e customizar. Isso vai definir a aparência do seu site. Tente escolher um template responsivo, que vai se adaptar à tela do navegador, seja computador ou celular.

A originalidade é que vai definir a cara do seu empreendimento na internet, e vai fazer também os clientes lembrarem de você por associação. Certifique-se que tudo reflete a sua empresa, que as cores, fotos, fontes estejam alinhadas ao seu objetivo.

Ao fim da obra é interessante que você cadastre seu site nas ferramentas de métricas para saber como anda a sua audiência. Uma das ferramentas mais conhecidas que fazem o serviço e é gratuita é o Google Analytics.

Google Analytics

O Analytics vai te mostrar um relatório completo de visitas em seu site, o número de acessos, de onde eles vêm, se há alguém em tempo real no site e também qual é o tempo médio que os internautas que frequentam seu site ficam.

Otimize seu site

A otimização é uma das partes mais importantes de quem tem um site. Se você optou por utilizar o WordPress, poderá utilizar o plugin Yoast SEO para aumentar as chances do seu site aparecer nas primeiras opções nos motores de busca, como Yahoo e Google.

Também é possível otimizar o site utilizando técnicas que já falamos no artigo sobre tráfego orgânico. De todo modo, aqui vão pequenas dicas que vão ajudar na sua divulgação online:

Título

O título do seu site fica na aba do navegador e também em destaque na página de resultado dos buscadores, por isso crie um título chamativo e que também sirva como uma isca para obter mais acessos.

URL

Esta também aparece em destaque nos buscadores, e por isso não pode ser tão extensa. Utilize uma palavra chave do conteúdo que chame atenção.

Links

Conquistar links de qualidade não é uma tarefa tão fácil, porque você adquire com o tempo. A ideia é que quantos mais sites tenham links para o seu site, melhor. Você irá se destacar e o seu site/negócio irá ficar bem popular.

Podemos concluir:

Um site é extremamente importante para uma empresa. Ele fará o seu negócio ser visto nesse mar que é a internet. Mas não adianta fazer de qualquer forma, é preciso escolher bem e delimitar o público para atingir o nicho desejado.

E mais, o seu site também precisa: ter boa arquitetura e ser fácil de usar, ser um site profissional, ser otimizado pelas técnicas de SEO para aparecer nos buscadores, ser responsável com o conteúdo que publica e ter integração necessária para atender seus clientes.

Com tudo isso posto em prática, você verá a diferença nas métricas de crescimento de audiência do seu site. Fazendo assim com que as vendas sejam um sucesso!

E aí, curtiu? Conta para a gente nos comentários o que achou.

Lembrando que a gente tem um parceiro para criação de sites para indicar!

Até a próxima!

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *